Shawn Layden diz que jogos AAA são insustentáveis nos moldes atuais da indústria

O Ex-chefe da divisão de jogos da Sony, comentou que games muito longos têm alto custo de produção e "não se pagam". Ele se mostra insatisfeito com os moldes que a Industria vem tomando com os jogos AAA e seu modelo de desenvolvimento. Em suas palavras, os jogos estão cada vez mais longos e maiores, consequentemente, seus custos de produção cada vez mais caros. Ele mesmo diz que os jogos "não se pagam".


Em entrevista ao GameLab Live,ele falou sobre The Last of Us Part II e seu enorme custo de produção. Apesar de sentir orgulhoso por ter feito parte da produção, o ex-executivo também comentou a respeito de uma nova tendência na indústria: a criação de títulos longos.


A maioria dos jogadores conseguia finalizar a campanha com uma jogatina de 15 horas. Na sequência, os jogadores têm de aventurarem por pelo menos 25 horas para completarem a história. A Naughty Dog precisou de três anos e meio para fazer o primeiro jogo, enquanto gastou seis no segundo.


O problema é que não é sustentável. Eu não acho que na next-gen você pode pegar esses números, multiplicá-los e achar que você vai continuar crescendo. É difícil para cada jogo de aventura ter entre 50 e 60 horas de gameplay porque vai ser muito mais caro fazê-lo. E no fim, você pode acabar fechando às portas de criadores interessantes.

Entretanto, ainda há outra razão para tornar o modelo de games AAA insustentável: o preço-base continuar o mesmo no mercado. Layden cita que desde o início de sua carreira, os lançamentos sempre chegam a US$ 59,99. Tal valor jamais encareceu, ou seja, se torna difícil arcar com os custos dos projetos.

É US$ 59,99 desde que comecei na indústria, mas o custo (de produção) dos games aumentou em dez vezes. Se você não tem elasticidade no preço, mas tem uma grande volatilidade na linha de custo, o modelo se torna mais difícil. Creio que esta geração vai ver esses dois imperativos colidirem.

Por fim, o ex-presidente da Worldwide Studios recomenda uma volta a modelos antigos: jogos com duração de 15 horas.

Ao invés de gastar cinco anos em um jogo de 80 horas, o que um título de três anos com 15 horas iria oferecer? Qual seria seu custo? É uma experiência completa? Pessoalmente, como um velho gamer, eu recomendaria um retorno ao modelo de games AAA entre 12 a 15 horas.

#PC #TheGameboxBrasil #Playstation4 #Playstation5 #Playstation #Sony